Autor: Comunicação

Prefeitura, Câmara, sindicato e representantes de categorias se reúnem para discutir novo estatuto do servidor municipal

A atualização vai corrigir problemas gerados pela passagem do tempo, assegurar novos direitos, sem suprimir garantias, com a manutenção de direitos já adquiridos pelos servidores municipais.

06/05/2023 17h12 Atualizado há 10 meses atrás

A Prefeitura de Mamanguape, através de sua Procuradoria Jurídica, se reuniu nesta semana com a Câmara de Vereadores e o SINSERMAM para debater proposta de mudança no Estatuto dos Servidores Públicos do município. A minuta do Projeto de Lei, que passou por um longo processo de elaboração, foi encaminhada pelo setor jurídico e o início de sua tramitação abriu as discussões acerca do tema.

O texto da nova lei tem como objetivo principal a modernização do antigo estatuto, publicado no ano de 1977 e que já encontra-se bastante defasado em relação às legislações atuais. A atualização vai corrigir problemas gerados pela passagem do tempo, assegurar novos direitos, sem suprimir garantias, com a manutenção de direitos já adquiridos pelos servidores municipais.

As discussões estão apenas começando e outros encontros  já foram agendados devido a importância e complexidade do projeto. Dentre os avanços propostos, estão a inclusão da Licença Paternidade, a remuneração para capacitação do servidor por necessidade da função, o afastamento justificado para tratamento de saúde de familiar e a criação de Planos de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) para todas as categorias. 

Desde o ano de 2017, a gestão municipal vem implementando modificações, assegurando direitos e garantindo respeito aos servidores municipais, com salários pagos em dia e repasse mensal da contribuição previdenciária para o INSS. O terço de férias, que até então nunca havia sido pago no município, agora é  religiosamente pago ao servidor no mês de seu aniversário.

O Piso Nacional dos Professores é reajustado todo ano, com repasse integral do percentual definido pelo MEC, assim como o Piso Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias. O município também elevou a remuneração dos médicos do Programa Saúde da Família, garantindo a permanência dos profissionais nas unidades de atendimento.


Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support

Preferência de Cookies

Usamos cookies e tecnologias semelhantes que são necessárias para operar o site. Você pode consentir com o nosso uso de cookies clicando em "Aceitar" ou gerenciar suas preferências clicando em “Minhas opções”. Para obter mais informações sobre os tipos de cookies, como utilizamos e quais dados são coletados, leia nossa Política de Privacidade.