Mamanguape recebe equipe do projeto de extensão Municipalização do Meio Ambiente visita técnica ao município

Uma equipe do projeto de extensão “Municipalização do Meio Ambiente” da Universidade Federal da Paraíba, capitaneado pela professora Ilana Kiyotani, esteve na tarde de quarta-feira (6) visitando alguns pontos históricos, ecológicos e turísticos do município para fazer um mapeamento das potencialidades da cidade nessas áreas.

O projeto busca a implementação da gestão ambiental local por meio da capacitação de gestores públicos e da sociedade civil nos municípios paraibanos, através da Universidade Federal da Paraíba. O objetivo é a capacitação das equipes técnicas de prefeituras e atores da sociedade civil dos municípios paraibanos, apontando os caminhos para a municipalização do meio ambiente e os principais ganhos para a gestão municipal, às atividades econômicas, com destaque para o turismo e a qualidade de vida da população.

A visita foi acompanhada pelo secretário de turismo Júnior Gledson, pelo adjunto de turismo Alison Coutinho e pela secretária de cultura Ana Cristina, que  apresentaram os principais espaços públicos aos visitantes. O primeiro local visitado foi a Casa do Imperador, onde a equipe do projeto da UFPB conheceu um pouco da história da passagem de Dom Pedro II pelo município. 

O local seguinte a ser visitado foi o Parque Ecológico Bica de Sertãozinho, construído na década de 70 e revitalizado na gestão da prefeita Eunice Pessoa. De lá, a comitiva partiu para as igrejas históricas do Rosário e a matriz São Pedro e São Paulo, uma das mais antigas do estado.

A visita foi encerrada no Horto Florestal do Município, uma grande área verde encravada no coração da cidade e com grande potencial para o desenvolvimento de atividades relacionadas ao meio ambiente. Lá os alunos e professores puderam apreciar de perto o tratamento dado pela prefeitura ao pulmão verde da cidade.

COMPARTILHAR