Com recursos encerrados pelo Governo Federal, Prefeitura de Mamanguape muda esquema de atendimento à COVID e terá PA noturno e final de semana 24h

Com os recursos financeiros de custeio encerrados desde dezembro de 2021 pelo o Governo Federal, e em razão da notável redução de casos no município verificada pela realização de testes, a Prefeitura Municipal de Mamanguape a partir do dia 03 de março munda o atendimento do Centro de Enfrentamento à COVID-19.

Com agravamento da epidemia no país em virtude da terceira onda da infecção em Mamanguape, o Centro de Atendimento Covid-19 foi mantido inteiramente com recursos próprios, como forma de garantir o acesso da população a um atendimento mais eficiente, além de acompanhamento e monitoramento dos pacientes infectados, criando e fortalecendo uma referência para esses atendimentos em um dos períodos mais agudo da pandemia.

A secretária de finanças e tesoureira do Fundo Municipal de Saúde, Danielle Rodrigues disse que os recursos para o novo modelo de atendimento serão do próprio município. “Criamos mecanismos para atender a população com um serviço que entendemos ser essencial  e podemos tranquilizar o povo de que não faltará o atendimento e o município garantirá os recursos para custear o modelo PA”, garantiu Danielle

De acordo com o secretário da saúde, Rafael Aires, a Secretaria de Saúde de Mamanguape ainda mantém equipe de profissionais especializados que atuarão como Pronto Atendimento diariamente no período noturno e finais de semana 24 horas, nas instalações da Unidade de Saúde da Família Santa Edwiges, realizando exames de diagnóstico da COVID-19, através da coleta de COVID-19, para exames de diagnóstico molecular (RT-PCR), e Teste Rápido do Antígeno (TR-AG).

A partir do dia 07 de março, os casos de sintomas gripais serão atendidos nas Unidades de Saúde da Família (USFs) de cada bairro, durante o horário de atendimento, no Pronto Atendimento. A população também conta com a unidade de referência, o Hospital Geral de Mamanguape.

A prefeita Eunice Pessoa ressaltou a necessidade de quando foi criado o Centro COVID-19 para atender demanda diária e ajudar a desafogar o fluxo de procura no Hospital do Estado. “Criamos o atendimento da COVID-19 num momento crucial para Mamanguape e, mesmo agora sem os recursos do Governo Federal, vamos transformar o atendimento, pedindo a compreensão da população para buscarem os serviços na unidade de saúde próxima de suas casas durante o dia, na necessidade de ir ao PA e também ao Hospital Geral”, acrescentou a Prefeita. 

Acompanhe o Cronograma da Transição da Unidade
21 a 28/02 – Informativos nas mídias sociais e rádio a respeito da mudança;
26/02 a 02/03 – PA com funcionamento 24h;
03 a 06/03 – USF e PA fechados para mudança e organização das salas da USF;
07/03 – Abertura dos Serviços na nova configuração (PSF e PA).

COMPARTILHAR