Ato ecumênico marca a inauguração do Cemitério Parque da Saudade no bairro do Areial

A Prefeitura de Mamanguape realizou nessa quinta-feira (29) a inauguração do Cemitério Parque da Saudade, que também compreende o Velório Alberdan Cotta e a Capela Nossa Senhora da Paz, além do Memorial em homenagem às vítimas da COVID-19 no município.

O local conta com 10.000 m2 (dez mil metros) de área e 01 (um) hectare de área construída, que abrange o cemitério, o velório municipal, a capela Nossa Senhora da Paz e o Memorial. A cerimônia de inauguração foi precedida por um ato ecumênico, que contou com as participações do padre Manoel e do pastor Eguion, numa celebração de saudade e esperança. 

A prefeita Eunice esteve acompanhada do vice-prefeito Zenóbio Rodrigues, do seu esposo Dr. Quequinha, da sua filha Karina, de secretários e membros da gestão municipal, além do presidente da Câmara Júnior da Padaria e dos vereadores Neto da Saúde, Irmão Mica, Graça Ribeiro, Maria da Saúde, Neto Belino, Diego Peixoto, Rani Veríssimo e Guilherme Fernandes.

Durante décadas, os moradores da região composta pelos bairros do Areial, Planalto e Cidade Nova, sofreram atravessando a BR-101 para sepultar seus parentes, amigos e entes queridos no outro lado da cidade. A construção de um local adequado para sepultamentos do outro lado da BR era uma reivindicação antiga, de uma população cansada de correr riscos e cruzar a cidade para o último adeus. 

Sensível a todas as demandas e a todas as necessidades os habitantes do município, a prefeita Eunice Pessoa ouviu os apelos, atendeu ao chamado e construiu em tempo recorde mais uma moderna estrutura para o rol de grandes obras da gestão municipal. A obra, assim como tantas outras, foi construída com recursos do tesouro municipal, mesmo em meio à todas as dificuldades financeiras enfrentadas durante a pandemia.

A Central de Velórios do Cemitério Parque da Saudade, recebeu o nome do  advogado Alberdan Jorge da Silva Cotta. Natural de Belém do Pará, chegou em Mamanguape no ano de 1978, pai, empresário, ex-policial federal, advogado (UFPB), Alberdan Cotta foi vereador do município entre os anos 1988 e 2000, presidente da Câmara e chegou a assumir o poder executivo municipal, ocupando o cargo de prefeito de Mamanguape por alguns dias.

O vice-prefeito Zenóbio Rodrigues parabenizou a comunidade local pelo recebimento das obras e ressaltou o olhar humano da prefeita Eunice para todas as áreas da gestão municipal. “Eu me sinto lisonjeado por participar de uma gestão em que o trabalho avança cada vez mais e fico feliz e ver que a prefeita está atenta todos os problemas da população”, disse o vice-prefeito.

A prefeita Eunice agradeceu a parceria com a Usina Monte Alegre, que cedeu a área para o município fazer a obra, e a equipe de trabalho que possibilitou a entrega do cemitério à população do Areial. Em sua fala a gestora lembrou outras ações feitas na comunidade, a exemplo da pavimentação das ruas popularmente conhecidas como bambu e arame, confidenciado que achou sempre  que o município pudesse fazer mais.

“Eu nunca acreditei que uma prefeitura do porte de Mamanguape pudesse se limitar apenas ao pagamento de uma folha no final do mês e nada mais. Aqui está a prova, pois diariamente eu acordo como se tivesse iniciando o mandato para honrar o compromisso e a confiança que o povo depositou em nós,” encerrou a prefeita.

COMPARTILHAR