Município premia vencedores do Concurso Nossa História, Nosso Vídeo

A Secretaria de Educação do município realizou no último dia 20 de dezembro a premiação do concurso Nossa História, Nosso Vídeo, que é promovido pela Prefeitura de Mamanguape através da própria Secretaria de Educação e Cultura. O concurso foi criado no ano de 2017 e tem como proposta aguçar e dinamizar a participação dos estudantes da rede municipal em atividades de pesquisa e divulgação da história, do espaço e da cultura local.

O objetivo é que os alunos utilizem a linguagem audiovisual para refletir, divulgar e fomentar temáticas da história, do espaço e da cultura da cidade, enfatizando a importância do protagonismo dos estudantes no processo de ensino-aprendizagem. Além de trabalhar aspectos didático-pedagógicos que reforcem a ideia de pertencimento de uma identidade coletiva específica.

A premiação foi entregue aos vencedores, após a exibição das peças vencedoras, durante cerimônia no Centro Cultural Fênix, onde foram entregues troféus, medalhas, agendas e projetores para os primeiros lugares. Participaram do evento a prefeita Eunice Pessoa, o secretário de educação Maximiano Lopes e o adjunto da pasta Aldo Mendonça, além dos gestores escolares, professores e alunos das escolas campeãs.

Na Primeira Fase do Ensino Fundamental a vencedora foi a Escola Carlos Fernandes, que apresentou um trabalho para combinar atividades inclusivas através da Língua Brasileira dos Sinais (LIBRAS) e da língua portuguesa, explorando o hino municipal e a belíssima ponte do Leitão, construída em 1922, a mesma compõe um patrimônio paisagístico único em toda a Paraíba. O segundo lugar ficou com a Escola Cléa Maria Bezerra, que trouxe como proposta pedagógica os símbolos municipais: brasão, bandeira e hino.

Na Segunda Fase do Ensino Fundamental a Escola Ana Cavalcante ficou com o primeiro lugar, apresentando um vídeo com um relato sobre a história da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de Mamanguape/PB. Entidade data da segunda metade do século 19. O segundo lugar foi da Escola Iracema Soares com um vídeo que explorou o universo do Teatro Paraibano e o Eixo Cultural Mamanguape/Areia desenvolvido durante o século 19.

A última premiação do dia foi para a Modalidade EJA (Educação de Jovens e Adultos) e ficou com a Escola Cléa Maria Bezerra. O vídeo da EJA teve como objetivo valorizar a Cultura Popular através da Capoeira.

COMPARTILHAR